Unoesc abre edital para concessão de bolsas dos Artigos 170 e 171

A Unoesc abriu no dia 5 de fevereiro, por meio dos editais 3 e 4, o processo de seleção de projetos de Pesquisa de Iniciação Científica/Tecnológica e de Extensão (Art. 171 e 170), destinado a concessão de bolsas aos estudantes matriculados em cursos de graduação da instituição e devidamente cadastrados no Uniedu, para o ano de 2020.
De acordo com o pró-reitor de Pesquisa Pós-graduação e Extensão, Professor Fábio Lazzarotti, esses editais foram pensados para criar um banco de projetos na instituição, bem como para possibilitar um tempo relativamente maior aos docentes na elaboração das propostas e, consequentemente, na indicação e seleção de bolsistas.
As inscrições das propostas pelos docentes vão até 28 de fevereiro. Mesmo que a seleção dos bolsistas ocorra posteriormente ao envio das propostas, é importante que o aluno atualize seu cadastro no Uniedu e acesse os editais para verificar os requisitos exigidos. É importante também que o candidato manifeste seu interesse em participar como bolsista junto ao SAE ou diretamente com o professor ou com o coordenador do seu curso.
— Convidamos todos os nossos docentes que atenderem aos requisitos e demais condições estabelecidas pelos editais, para que enviem propostas para concorrer a seleção de bolsas tanto do Art. 170 como do Art. 171 — destacou o professor.
O Programa Uniedu, com fundo do artigo 170, dispõe da modalidade de Bolsa de Pesquisa, destinada ao aluno dos cursos de graduação presencial e EAD, que sendo selecionado, receberá o benefício do valor mínimo de 25% e o máximo 100% do valor da mensalidade. Essas bolsas terão duração de um ano. O benefício da modalidade de Bolsas de Pesquisa e Extensão, com fundos oriundos do artigo 171 – FUMDES, é destinada aos alunos dos cursos de graduação presenciais, que sendo selecionado, receberá o correspondente ao valor de um salário mínimo vigente no mês de dezembro do ano anterior. O projeto deve prever um cronograma com período de execução de até 2 anos, com a possibilidade de prorrogação por até 1 ano, de acordo com o previsto no projeto.
A indicação dos bolsistas ocorrerá posteriormente à submissão das propostas, mediante publicação de chamada de bolsas universitárias do programa UNIEDU pelo governo do Estado.

Fonte: Assessoria de Comunicação