Marido mata a mulher e deixa bilhete ao lado do corpo: ‘Matei porque te amo’

A Polícia Civil do Paraná começou a investigar as circunstâncias do assassinato de uma mulher de 54 anos ocorrido na cidade de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba. A vítima foi atacada a facadas pelo próprio marido, um homem de 70 anos. O idoso fugiu após o crime, mas deixou dois bilhetes ao lado do corpo da companheira. Em um deles, escreveu: “Marisa, te matei porque te amo. Vá com Deus amiga querida”. De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem e a mulher moravam juntos há quatro anos em uma casa no bairro Eldorado. Testemunhas contaram que eles brigavam com frequência e que o idoso fazia uso constante de bebida alcoólica. Ele também já teria ameaçado matar a mulher em outras ocasiões. No dia do crime, o homem teria atacado a mulher a facadas, escrito os bilhetes e, na sequência, avisado a enteada a respeito do assassinato. Depois de ir à casa da jovem, fugiu e não foi mais localizado. “Marisa foi a mulher mais querida da minha vida. Vá com Deus meu amorzinho”, diz o outro “recado” deixado pelo idoso.

Fonte: BHAZ

777777777777777777777777