Inquilina deixa a casa após proprietário querer relações sexuais

sireneUma moradora de Capinzal acionou a Polícia Militar no início da madrugada desta quinta-feira (7) após ser ofendida pelo proprietário da casa em que reside no Loteamento Parizotto, por ter se recusado a manter relações sexuais com ele.

A mulher relatou aos policiais que o homem ingeriu bebida alcoólica durante o dia e a noite começou a lhe importunar, e que as ofensas foram proferidas na presença do filho de 5 anos. Ela pediu aos policiais para acompanha-la até o local para apanhar alguns pertences, pois iria passar a noite na casa de sua mãe.

Os militares foram até a frente da residência onde tentaram conversar com o homem, que se apresentava visivelmente embriagado.

O indivíduo desacatou a guarnição com palavras de baixo calão e se recusou a ser detido pelos crimes de desacato, injúria e difamação. Os policiais não conseguiram adentrar na casa, pois o homem trancou o portão.

Diante da impossibilidade de conduzir o homem, a guarnição confeccionou o boletim de ocorrência. A mulher foi levada pela vizinha para a casa de sua mãe, já que temia pela integridade física dela e do filho.

Fonte: Rádio Capinzal