Acadêmico do curso de Medicina da Unoesc idealiza projeto que informa e esclarece alunos das escolas

O acadêmico do curso de Medicina da Unoesc Joaçaba, Yago Moreira Evangelista Pimenta, esteve hoje, (10/10), às 8h na escola Centro Educacional Frei Bruno (CEFREI), ministrando uma palestra sobre anticoncepção, Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) e planejamento de vida.

O projeto “Informação jovem” idealizado pelo acadêmico, é uma parceria entre a Secretaria de Educação, Saúde e a Unoesc. Com o lema “o que você pode fazer para ajudar alguém?” o projeto busca informar e formar, de uma maneira diferente, que chame a atenção dos alunos, numa linguagem acessível que desperte o interesse deles,  sobre as diversas questões relacionadas a sua sexualidade, seus anseios e sua busca por auto afirmação.

— A proposta de ir nas escolas surgiu primeiramente a partir de um convite feito pelo CERT, durante meu estágio no posto de saúde do centro, daí em diante outras escolas solicitaram. Fico muito feliz por poder levar a esses adolescentes um pouco do que eu sei, acredito que a educação pode mudar a vida das pessoas —  reitera Pimenta.

Para o gestor do Centro Educacional Frei Bruno, Julio Cezar Alberguini, a ideia de trazer a palestra para escola partiu da necessidade de tirar as dúvidas e deixar os alunos mais confiantes em relação a sexualidade, descobrimento da vida sexual, puberdade e todo esse processo que ocorre durante essa fase.

— Quando a gente chega na adolescência há um renascimento, uma nova vida, as coisas mudam, é um novo ciclo, e os adolescentes tem muitas questões que nem sempre os pais e os professores conseguem resolver — comenta o gestor.

Aos 26 anos, Dr. Pimenta, conforme é chamado pelos alunos das escolas, está na reta final para conclusão do curso (11ª fase), natural do Belém do Pará, e com uma história cheia de desafios e superação, o estudante de medicina, utiliza uma parte de seu tempo para falar sobre planejamento de vida e contar um pouco de sua trajetória, motivando e inspirando os alunos.

— A princípio o público alvo eram jovens de ensino médio, entretanto percebeu-se a necessidade de ampliar para algumas turmas do ensino fundamental. Uma surpresa positiva foi que empresas também entraram em contato solicitando que ministrasse a palestra para os seus colaboradores. Inclusive em outra escola fui convidado a falar para pais e professores —  explica o acadêmico

Em Joaçaba, as palestras já ocorreram nos colégios CERT, Superativo e Conexão, E.M.E.F.  Nossa Senhora de Lourdes, E.M.E.F. Rotary, E.E.B. Governador Celso Ramos. Em Ibicaré, na E.E.B. Irmão Joaquim e em Lacerdópolis, na E.E.B. Joaquim Dagostini, além de algumas empresas privadas que já sinalizaram interesse no projeto.

Fonte: Assessoria de Comunicação
PALEST DR PIM 5 1010 PALEST DR PIM 3 1010